http://www.hospitalsaopaulo.org.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/destaque1gk-is-85.jpglink
http://www.hospitalsaopaulo.org.br/modules/mod_image_show_gk4/cache/destaque1_0gk-is-85.jpglink
1 2
A+ A A-

História do Hospital São Paulo

O Começo

Em 1936, a então Escola Paulista de Medicina já existia e seus alunos precisavam de ensino prático. No entanto, duas questões sérias e praticamente insolúveis persistiam: o dinheiro para construir um hospital do porte daquele que sonharam os nossos fundadores e o tempo para construí-lo.

A construção do HSP foi possível através de um empréstimo de dez mil contos de réis conseguidos graças ao apoio de Samuel Ribeiro, Presidente da Caixa Econômica Federal na época.

O Pavilhão Maria Tereza Nogueira de Azevedo tornou-se a sede provisória do HSP.

hsp001

 

 

Primitiva Residência do Dr. Joaquim Penino, na
Chácara Schiffini, transformado em Pavilhão
Maria Thereza em 1937.

 

 

 

 

 

hsp002

 

 

 

Pavilhão Maria Thereza (Fundos), onde foram instalados os primeiros 100 leitos do HSP.

 

 

 

 

 

 

hsp01

 

 

O Hospital São Paulo (HSP) teve sua pedra fundamental
lançada em 30 de setembro de 1936, em uma cerimônia
que teve como orador o poeta Guilherme de Almeida,
que proferiu um discurso na ocasião!

 

 

 

Testemunha dos primórdios da organização do sistema de saúde do país, o Hospital São Paulo tem nas suas origens um detalhamento minucioso do pensamento político e acadêmico daquela época, como por exemplo a concessão de amostras de café do Departamento Nacional do café, com renda revertida para o Hospital São Paulo.

hsp008Em 1938, desenvolveu-se uma campanha pró-hospital pelo Sr. José Maria Whitaker, Erasmo Assunção, D.M. Weilington e Horácio de Mello, para obter amostras de algodão negociáveis em benefício da mesma causa, muito se esforçaram: o Dr. Franciasco Perrone, Dr. José Medina e Junqueira Meirelles.

Em 1940 foram inaugurados os quatro primeiros andares do Hospital São Paulo, com 120 leitos e desdobrado o pavilhão Dona Maria Tereza. Tempos depois o pavilhão passaria a agasalhar em seu andar superior a sede do Centro Acadêmico Pereira Barreto, com a mudança deste para outra sede, a cadeira de Clínica Dermatológica e Sifilográfica. Posteriormente (1972), no lugar do pavilhão, foi construído um prolongamento do atual Edifício dos Ambulatórios, que leva o nome do Prof. Jairo Ramos.

O HSP possuía um equipamento ímpar para a época, como o raio X importado. O prédio possuía 2 andares, onde foram instalados os serviços da Clínica Médica e Clínica Cirúrgica.

Na planta original, o Hospital São Paulo possuiria 3 alas de 11 andares. Uma ala central, uma lateral esquerda e outra direita. O pavilhão continuou funcionando, foram instaladas 4 especialidades médicas - clínica médica, clínica cirúrgica, obstetrícia e pediatria. À medida que a medicina foi evoluindo, essas especialidades foram sendo subdivididas.

O Hospital foi sendo planejado para situá-las de andar por andar. Foram Instalados o anfiteatro para o ensino teórico e cozinha, administração, farmácia, almoxarifado. De 1940 a 1956 , período em que a EPM era uma instituição particular, o HSP pertencia a EPM - o primeiro Hospital de Ensino Próprio do Brasil. A EPM foi a primeira escola médica que teve seu hospital próprio, devido ao trabalho, esforço e dedicação de seus professores, sem subsídio do governo.

Para manter uma parte do custeio do Hospital foram colocados 60 leitos particulares. Essa receita cobre quase a metade do custeio do Hospital de Indigentes. Foram aumentando de 100, para 200 e 300 leitos. O Hospital para época oferecia um bom padrão de ensino médico.

No começo da década de 60, o Hospital precisou de receita, e a escola oferecia uma verba para ajudar e o Governo do estado pagava uma cota por indigente. Essas duas verbas eram insuficientes. A Escola conseguiu firmar um convênio com a Sociedade Civil e entrou no orçamento uma verba própria para o Hospital. Por questões jurídicas, a Sociedade Civil mudou de nome e passou a ser chamada Sociedade Paulista para o Desenvolvimento da Medicina e assim se mantém até os dias atuais.

Rua Napoleão de Barros, 715 - Vila Clementino
São Paulo, SP - CEP: 04024002
Tel. (11) 5576-4000 - (11) 5576-4522

© 2012 - Hospital São Paulo/SPDM - Todos os direitos reservados - Desenvolvimento DTI/DIS - HSP